Quarta-feira, 23 de Abril de 2008

Contrariar a abstenção de voto

            vote ontario.jpg

Não, ainda não estamos em eleições, mas estamos na altura ideal de falar nelas, visto aproximarem-se rapidamente.

 

E essa altura para reflectir é AGORA!!!, neste preciso momento, antes que seja tarde e voltemos à estaca zero!!!

 

É que em todas as épocas eleitorais acontece a mesma coisa. Campanhas e mais campanhas, sondagens e mais sondagens, previsões atrás de previsões, e depois o que se vê é a desilusão de ver que cada vez mais a abstenção ganha terreno.

 

Por desinteresse, ou não, o que é certo é que acontece.

 

Será que ninguém toma medidas drásticas quanto à resolução deste problema? Sim, um problema, pois que outro nome se poderá chamar à falta de manifestação de vontade para melhorar o nosso país? O direito de voto já não é apenas um direito, mas sim uma obrigação. Como é que as pessoas tem a cara de pau de estar sempre a reclamar dos problemas do país, nomeadamente sobre desemprego, baixos salários, elevados impostos, falhas no serviço nacional de saúde, na problemática da educação, enfim, tudo o que habitualmente se critica, por vezes com razão e outras, infelizmente, por tradição, quando não fazem nada para mudar o que eventualmente está mal.

 

A falta de interesse político e a crescente desacreditação no aparelho de Estado deve-se em muito ao exemplo dado pela própria classe que nos premeia com comportamentos menos éticos e pouco idóneos, munidos de “carradas” de falta de educação, de brio, e até de profissionalismo.

 

Se não, respondam-me…

 

. Porque é que a classe politica não acaba de uma vez por todas com o mau exemplo no que se passa no combate político, cheio de ofensas muitas vezes camufladas, insinuações e desrespeito mútuo?

 

. Se as eleições autárquicas são autónomas no que diz respeito à filiação politica, então porque não banir qualquer referência aos partidos políticos, mostrando assim que estão no poder para ajudar as populações e não com interesses partidários?

 

. Porque não agendar semanalmente uma conferência de imprensa por parte de cada ministério a fim de informar o povinho do que se faz e como está a decorrer o trabalho dos eleitos?

 

. Porque não implementar a obrigatoriedade de presença de todos os deputados na Assembleia da Republica aquando do debate mensal e a sua permanência durante todo o decorrer do debate, não permitindo o que normalmente acontece, ou seja, pessoas a abandonarem a meio da sessão, outras quando chega a vez dos partidos com uma menor representação, outros a dormir durante os trabalhos a decorrer?

 

. Porque não incentivar a boa educação e o respeito pela discordância de opinião partidária?

 

. Porque não solicitar uma maior intervenção do Presidente da República, dando a este um papel mais activo nos problemas do país ao invés de cada vez mais ter um papel secundário e quase inoperante aos olhos das pessoas?

 

Perdoem-me se estou a falar de cor, mas é o que me vai na alma.

 

Acho que é preciso fazer algo para mudar a postura dos políticos e da política no país, para que a confiança pública seja recuperada.

 

É com medidas deste género que se vai construir um sentimento de confiança, admiração, consciencialização social e política desde as classes mais jovens, que terão no futuro uma educação cívica muito melhor.

 

Quanto ao acto eleitoral, também se poderão fazer algumas alterações, nomeadamente:

 

. A obrigatoriedade de voto, mesmo que em branco, pois o voto é um dever pelo qual uma nação lutou no passado.

 

. Uma melhor calendarização do dia de eleições e não a de deixar tudo para o dia em que todas as pessoas pretiram o prazer  em prejuízo do dever.

 

. Alargamento do período de voto para que todos possam votar.

 

. Agendamento do dia de eleição para um dia de semana, dando justificação laboral por motivos óbvios, evitando assim as preferências pelos dias propícios a escapadelas em dias de voto.

 

É evidente que todas estas ideias são para ser discutidas e limadas, que podem até ser contestadas com fundamentos, ou que podem até ser absurdas.

 

Mas são ideias, são preocupações, são manifestações que podem ou não contribuir para a melhoria do país.

 

Quanto a mim….a melhor contribuição que posso dar é a de não me resignar ao comodismo de deixar os outros decidirem por mim.

 

É a de sentir que contribui, contribuo e contribuirei para uma votação que pode vir a melhorar a minha vida e a de quem me rodeia.

 

É que é preciso fazer alguma coisa…………

 

Qual é a sua opinião?

tags:
publicado por Paulo Batista às 23:36
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. O TERRORISMO DA CRISE

. Mobbing no local de traba...

. Mobbing no local de traba...

. Exposição "Rostos de Moça...

. Piquenique - Convivio - p...

. "Rostos de Moçambique" de...

. Guernica de Picasso em 3D

. ACRENARMO - Associação Cu...

. Exposição de Fotografia -...

. E se Obama fosse africano...

. Os melhores Links

. Fotos de Moçambique 2007 ...

. Apelo!!! - Procuram-se pe...

. O que fazer com o Magalhã...

. Um site escolar que vale ...

. ZÉ CARIOCA NO RIO(uma rar...

. Teste a sua TENDÊNCIA POL...

. Qual a idade do seu céreb...

. Salvem a Litratura Portug...

. Netemprego – Bolsa da tre...

. Tesouros perdidos - Music...

. Batalha de Aljubarrota- 1...

. Batalha de Aljubarrota- 2...

. Desenhos animados do noss...

. Empréstimo de blogue.

. Pluri e mono emprego

. Biografia - José Afonso (...

. Museu Virtual - Aristides...

. Um Video ESPECTACULAR - "...

. Já entrou dentro do cockp...

. O futuro forum de Leiria

. Contrariar a abstenção de...

. Oportunismo na Solidaried...

. Páscoa 2008

. M23 e o novo sistema de a...

. Cobertura pode contribuir...

. Ainda existe encanto nos ...

. Falar muito e não dizer n...

. Museu do coleccionismo

. I Antologia de Poetas Lus...

. Carta aberta ao Senhor Pr...

. Turismo – Um futuro para ...

. Um dia EU IREI A MOÇAMBIQ...

. Lançamento do livro "Pala...

. Mobbing ou Assédio Psicol...

. Portugueses à imagem do v...

. Rentabilizar o Castelo de...

. “Santos da casa não fazem...

. O Sr. Pedro

. Bica de Cultura

.arquivos

. Abril 2011

. Abril 2010

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. cultura(16)

. curiosidades(7)

. dia-a-dia(8)

. ideias(8)

. laboral(4)

. links(15)

. livro de reclamações(8)

. moçambique(8)

. património(10)

. património moçambique(6)

. prazer da vida(7)

. recordações(12)

. sociedade(20)

. tesouros(16)

. todas as tags

.subscrever feeds