Quinta-feira, 10 de Maio de 2007

Jornalismo ou manipulação?

Todos sabemos o poder que a comunicação social tem nas nossas vidas.
Somos constantemente bombardeados com informações recolhidas, alegadamente de fontes fidedignas e imparciais, o que nos leva a confiar, a facilitarmos a nossa vida excluindo uma característica cada vez menos humana que é a de pensar por nós próprios, de nos questionarmos sobre o que é certo e o que é errado.
Poucos resistem ao facilitismo de ter a “papinha toda feita”, de ser mais prático pensarem por nós do que, ouvir, ver, analisar, recolher informação de outras fontes, questionar e formar uma opinião com base na discussão de pontos de vista heterogéneos.
Somos constantemente e involuntariamente manipulados com o que nos apresentam de modo repetitivo, da linguagem usada, das imagens facciosas, da ocultação premeditada dos factos na sua totalidade de modo a permitir a formação massiva de uma opinião pretendida.
Já repararam que os grandes grupos de informação são formados directa ou indirectamente por 3 ou 4 jornais diferentes? Já para não falar em revistas, rádios e em alguns casos canais de televisão?
Esta falta de pluralidade de opinião não nos favorece o direito à informação, à pluralidade de opiniões, nem o poder crítico.
Já repararam na linguagem e entoação que alguns jornalistas usam quando fazem uma reportagem e ou uma entrevista? Na facilidade em opinar sobre um assunto baseado apenas naquilo que se vê, ignorando muitas vezes razões ou causas escondidas e muito mais relevantes? Na futilidade das reportagens que incitam à coscuvilhice, ao engano e ao “calhandro populista”, com a finalidade de encaminhar a opinião pública num certo sentido? Ao vasculhar a vida privada de pessoas sem qualquer propósito válido para a sociedade, provocando o de manchar ou fragilizar da credibilidade do seu nome, por vezes irremediavelmente, usando o pretexto e a desculpa do direito á informação do leitor ou espectador?
Assim não! Não vale a pena ler jornais, ver televisão ou ouvir rádio se continuarmos a permitir tal comportamento. Assim estamos a assistir ao afundar da credibilidade da comunicação social, e a cada vez mais permitir que associemos a informação á falta de ética, a única e exclusivamente tendo como finalidade o lucro através do sensacionalismo da informação.
Não é de estranhar que estejamos a assistir ao fenómeno de crescimento de outro tipo de comunicação, a dos blogues.

Blogues, nos quais me incluo e onde, aqui sim, podemos debater, ouvir, ver, analisar a informação de um modo participativo, formando e manifestando a nossa própria opinião e afirmando-nos como seres dotados do raciocínio e de capacidade de debate de opiniões.

publicado por Paulo Batista às 23:47
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. O TERRORISMO DA CRISE

. Mobbing no local de traba...

. Mobbing no local de traba...

. Exposição "Rostos de Moça...

. Piquenique - Convivio - p...

. "Rostos de Moçambique" de...

. Guernica de Picasso em 3D

. ACRENARMO - Associação Cu...

. Exposição de Fotografia -...

. E se Obama fosse africano...

. Os melhores Links

. Fotos de Moçambique 2007 ...

. Apelo!!! - Procuram-se pe...

. O que fazer com o Magalhã...

. Um site escolar que vale ...

. ZÉ CARIOCA NO RIO(uma rar...

. Teste a sua TENDÊNCIA POL...

. Qual a idade do seu céreb...

. Salvem a Litratura Portug...

. Netemprego – Bolsa da tre...

. Tesouros perdidos - Music...

. Batalha de Aljubarrota- 1...

. Batalha de Aljubarrota- 2...

. Desenhos animados do noss...

. Empréstimo de blogue.

. Pluri e mono emprego

. Biografia - José Afonso (...

. Museu Virtual - Aristides...

. Um Video ESPECTACULAR - "...

. Já entrou dentro do cockp...

. O futuro forum de Leiria

. Contrariar a abstenção de...

. Oportunismo na Solidaried...

. Páscoa 2008

. M23 e o novo sistema de a...

. Cobertura pode contribuir...

. Ainda existe encanto nos ...

. Falar muito e não dizer n...

. Museu do coleccionismo

. I Antologia de Poetas Lus...

. Carta aberta ao Senhor Pr...

. Turismo – Um futuro para ...

. Um dia EU IREI A MOÇAMBIQ...

. Lançamento do livro "Pala...

. Mobbing ou Assédio Psicol...

. Portugueses à imagem do v...

. Rentabilizar o Castelo de...

. “Santos da casa não fazem...

. O Sr. Pedro

. Bica de Cultura

.arquivos

. Abril 2011

. Abril 2010

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. cultura(16)

. curiosidades(7)

. dia-a-dia(8)

. ideias(8)

. laboral(4)

. links(15)

. livro de reclamações(8)

. moçambique(8)

. património(10)

. património moçambique(6)

. prazer da vida(7)

. recordações(12)

. sociedade(20)

. tesouros(16)

. todas as tags

.subscrever feeds